Tunico Maciel vence o primeiro dia de disputas do Rally Jalapão 2019
Piloto da Honda Racing é o mais rápido entre as motocicletas da prova; Equipe também lidera a categoria Super Production com Gregorio Caselani
Publicada em 7/6/2019.

Dianópolis (TO) – O mineiro Tunico Maciel iniciou o 5º Rally Jalapão na liderança da classificação geral das motocicletas e da categoria Production Aberta, com a Honda CRF 450RX. O primeiro dia de disputas da prova, que soma pontos para o Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country, foi realizado nesta sexta-feira (7) entre Luis Eduardo Magalhães, na Bahia, e Dianópolis, no Tocantins. A equipe Honda Racing também lidera as categorias Super Production, com o gaúcho Gregório Caselani, e Rally Brasil, com o piloto paulista Bissinho Zavatti e a motocicleta Honda CRF 250F.

A etapa de abertura somou 254 quilômetros, incluindo 161,20 de trechos cronometrados (especiais). De acordo com Tunico Maciel, o percurso incluiu desafios variados. “O dia começou com piso de areia e depois teve cascalho, que eu gosto bastante. Foi uma especial muito completa e mantive ritmo forte do início ao fim. A Honda CRF 450RX estava perfeita e já é um modelo consagrado, com muitas vitórias no off-road”, disse o piloto, que utilizou a mesma motocicleta na conquista do Rally dos Sertões 2018.

Em terceiro na classificação geral do Rally Jalapão, Caselani lidera a categoria Super Production, na qual o paulista Jean Azevedo ocupa a terceira colocação. Os dois pilotos da equipe Honda Racing competem com a moto Honda CRF 450RX, sendo que o gaúcho é o atual campeão brasileiro de Rally Cross Country. “Foi um dia puxado e temos mais duas etapas duras pela frente. Tudo indica que haverá bastante exigência na navegação. Quero seguir nessa mesma tocada, em um ritmo bom, mas sem arriscar, para somar pontos importantes para o campeonato”, explicou Caselani.

Atual campeão brasileiro da categoria exclusiva para motocicletas nacionais, a Rally Brasil, Bissinho Zavatti foi o destaque com a Honda CRF 250F. “A etapa foi em uma região que eu nunca tinha andado, com pontos pesados de areia e trechos bem gostosos de acelerar. O visual foi maravilhoso, principalmente na região de serra. O dia exigiu bastante do equipamento e estou feliz de chegar mais uma vez com a moto 100%. Temos mais dois dias pesados pela frente, vou me concentrar para seguir bem até o final”, finalizou Bissinho.

O Rally Jalapão também faz parte campeonato Sertões Series e continua neste sábado (8), quando o destino será a cidade de São Félix do Tocantins (TO). Serão percorridos 459 quilômetros, sendo 288,10 de especiais. No domingo (9), a caravana encerra o desafio na cidade baiana onde tudo começou, Luis Eduardo Magalhães. O percurso total da prova inclui mais de 1.200 quilômetros de desafios (730 cronometrados).

A equipe Honda Racing de Rally Cross Country é patrocinada por ASW, Michelin, DID, Seguros Honda e Óleo Genuíno Honda.

5º Rally Jalapão - Resultados extraoficiais
Classificação geral - Motocicletas
1 - #5 - TUNICO MACIEL - 02:21:19.9 - Honda CRF 450RX

2 - #4 - TULIO MALTA - 02:22:56.8
3 - #1 - GREGORIO CASELANI - 02:23:20.0 - Honda CRF 450RX
4 - #2 - RICARDO MARTINS - 02:23:50.1
5 - #3 - JEAN AZEVEDO - 02:26:06.5 - Honda CRF 450RX
16 - #7 - BISSINHO ZAVATTI - 02:35:01.4 - Honda CRF 250F

Categoria Super Production
1 - #1 - GREGORIO CASELANI - 02:23:20.0 - Honda CRF 450RX
2 - #2 - RICARDO MARTINS - 02:23:50.1
3 - #3 - JEAN AZEVEDO - 02:26:06.5 - Honda CRF 450RX

Categoria Production Aberta
1 - #5 - TUNICO MACIEL - 02:21:19.9 - Honda CRF 450RX
2 - #4 - TULIO MALTA - 02:22:56.8
3 - #6 - LUCIANO GOMES - 02:31:07.4

Categoria Rally Brasil
1 - #7 - BISSINHO ZAVATTI - 02:35:01.4 - Honda CRF 250F
2 - #19 - GUILHERME BISSOTTO - 02:45:10.8
3 - #12 - ANDRE BEZERRA - 02:46:16.2

Programação*

Sábado (8/6) - 2º dia 
Dianópolis (TO) / São Félix do Tocantins (TO)
6h - Largada 1ª moto no parque de apoio
8h30 - Largada 1ª moto na especial
13h30 - Chegada 1ª moto em São Félix do Tocantins (TO)
20h - Briefing em São Félix do Tocantins (TO)

Deslocamento inicial - 124,67 km
Trecho especial (cronometrado) - 288,10 km
Deslocamento final - 46 km
Total do dia - 459 km

Domingo (9/6) - 3º dia 
São Félix do Tocantins (TO) / Luís Eduardo Magalhães (BA)
7h - Largada 1ª moto no parque de apoio
7h30 - Largada 1ª moto na especial
15h30 - Chegada 1ª moto em Luís Eduardo Magalhães (BA)
21h - Premiação

Deslocamento inicial - 22,31 km
Trecho especial (cronometrado) - 280,47 km
Deslocamento final - 213,14 km
Total do dia - 516 km

Total do percurso - 1.229 km
Total dos trechos cronometrados - 730 km

* A programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações.


Bruno Crivilin, da Honda Racing, na quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Enduro FIM 2019, em Aracruz (ES)
Crédito: Idário Café/Mundo Press

Bruno Crivilin, da Honda Racing, na quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Enduro FIM 2019, em Aracruz (ES)
Crédito: Idário Café/Mundo Press