Rally Dakar - Brasileiros reassumem a liderança da categoria para UTVs
Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin finalizam a sétima etapa na segunda colocação e voltam à ponta da tabela no Peru; Dupla da equipe Monster Energy/Can-Am é a atual campeã da prova
Publicada em 14/1/2019.

San Juan de Marcona (Peru) - De volta à ponta da tabela. Depois de liderar o Rally Dakar 2019 nas duas primeiras etapas, a dupla Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin, da equipe Monster Energy/Can-Am, finalizou a sétima etapa no segundo posto e reassumiu o primeiro lugar da disputa para UTVs nesta segunda-feira (14), em San Juan de Marcona, no Peru.

Atuais campeões da categoria, os brasileiros possuem vantagem de 4min03seg sobre os chilenos Francisco Lopez Contardo e Álvaro Quintanilla, que ocupam o segundo lugar do ranking, de acordo com os resultados extraoficiais. Os competidores utilizam o Can-Am Maverick X3 no desafio, o veículo que dominou as 14 primeiras posições da tabela de classificação dos UTVs.

“Voltamos para a prova. Reassumimos a liderança e agora não pretendemos perdê-la de novo”, disse o piloto Reinaldo Varela. “Correu tudo bem na sétima etapa. Tivemos um pneu furado no começo do dia, mas isso é algo normal de se acontecer em um rally. O UTV está ótimo, isso que importa.”

Faltando três etapas para o final, o navegador Gustavo Gugelmin dá a receita para a vitória: acelerar sem dó. “Estamos de volta à briga, pouco mais de quatro minutos à frente dos segundos colocados. Faltam só três dias, temos que acelerar, não tem essa de administrar a vantagem agora”, garantiu. Os vencedores do 41º Rally Dakar serão conhecidos no próximo dia 17, na capital Lima.

Além da vitória da dupla formada por Varela e Gugelmin, o Brasil foi destaque na etapa com a quarta e a quinta colocações de Marcos Baumgart/Kleber Cincea e Cristian Baumgart/Alberto Andreotti, respectivamente. A etapa desta segunda-feira teve largada e chegada na cidade de San Juan de Marcona. Foram percorridos 387 quilômetros, sendo 323 quilômetros de trecho cronometrado. Nesta terça-feira (15), os competidores vão a Pisco, enfrentando mais 575 quilômetros de desafios (360 deles de especiais).

O Rally Dakar 2019, realizado integralmente em um só país, o Peru, pela primeira vez em sua história, conta com 10 etapas e mais de 5 mil quilômetros no total (cerca de três mil quilômetros de especiais). Além de UTVs, a competição possui categorias para motos, carros, quadriciclos e caminhões.

Rally Dakar 2019 - Categoria UTVs (SxS)

Resultados da 7ª etapa (extraoficiais)

1 - #360 - Francisco Contardo / Álvaro Quintanilla (CHI) - 4:30:08 - Can-Am Maverick X3
2- #340 - Reinaldo Varela / Gustavo Gugelmin (BRA) - 4:52:12 - Can-Am Maverick X3
3 - #421 - Rodrigo Piazzoli / Jorge Diaz (CHI) - 4:53:16 - Can-Am Maverick X3
4 - #412 - Marcos Baumgart / Kleber Cincea (BRA) - 5:01:34 - Can-Am Maverick X3
5 - #398 - Cristian Baumgart / Alberto Andreotti (BRA) - 5:05:32 - Can-Am Maverick X3
6 - #372 - Miguel Jordão (POR) / Lourival Justo (BRA) - 5:13:19 - Can-Am Maverick X3
7 - #418 - José Hinojo Lopes / Javier Blaco (ESP) - 5:22:11 - Can-Am Maverick X3
8 - #431 - Jose Salaverry / Paul Aray (PER) - 5:32:31 - Can-Am Maverick X3
9 - #343 - Casey Currie (EUA) / Rafael Córdoba (ESP) - 5:36:22 - Can-Am Maverick X3
10 - #342 - Juan Carlos Vallejo (CHI) / Leonardo Baronio (PER) - 5:54:00 - Can-Am Maverick X3

Classificação acumulada após sete etapas (resultados extraoficiais)

1- #340 - Reinaldo Varela / Gustavo Gugelmin (BRA) - 31:33:41 - Can-Am Maverick X3
2 - #360 - Francisco Contardo / Álvaro Quintanilla (CHI) - 31:37:44 - Can-Am Maverick X3
3 - #421 - Rodrigo Piazzoli / Jorge Diaz (CHI) - 32:19:07 - Can-Am Maverick X3
4 - #358 - Gerard Guel / Daniel Carreras (ESP) - 32:35:49 - Can-Am Maverick X3
5 - #343 - Casey Currie (EUA) / Rafael Córdoba (ESP) - 33:26:39 - Can-Am Maverick X3
6 - #412 - Marcos Baumgart / Kleber Cincea (BRA) - 33:40:03 - Can-Am Maverick X3
7 - #372 - Miguel Jordão (POR) / Lourival Justo (BRA) - 34:11:31 - Can-Am Maverick X3
8 - #398 - Cristian Baumgart / Alberto Andreotti (BRA) - 34:29:48 - Can-Am Maverick X3
9 - #344 - Sergei Kariakin (RUS) / Anton Vlasiuk (LET) - 34:41:34 - Can-Am Maverick X3
10 - #418 - José Hinojo Lopes / Javier Blaco (ESP) - 34:55:41 - Can-Am Maverick X3

Roteiro do Rally Dakar 2019:

8ª etapa - Terça-feira (15/1)

San Juan de Marcona/Pisco
Quilometragem total - 575 km
Trecho especial (cronometrado) - 360 km

9ª etapa - Quarta-feira (16/1)
Pisco/Pisco
Quilometragem total - 409 km
Trecho especial (cronometrado) - 313 km

10ª etapa - Quinta-feira (17/1)
Pisco/Lima
Quilometragem total - 359 km
Trecho especial (cronometrado) - 112 km.

 

Sobre a BRP – A BRP (TSX: DOO) é líder global em design, desenvolvimento, fabricação, distribuição e comercialização de veículos de propulsão e sistemas de propulsão. O seu portfólio inclui motos de neve Ski-Doo e Lynx, embarcações Sea-Doo, veículos Can-Am off-road e Spyder, sistemas de propulsão marítima Evinrude e Rotax, bem como motores Rotax para karts, motocicletas e aeronaves recreativas. A BRP suporta sua linha de produtos com um negócio de peças, acessóios e roupas dedicados. Com vendas anuais de CA $ 4,2 bilhões em mais de 100 países, a BRP emprega aproximadamente 8 700 pessoas em todo o mundo.

www.brp.com
@BRPnews

Ski-Doo, Lynx, Sea-Doo, Evinrude, Rotax, Can-Am, Spyder e o logotipo da BRP são marcas comerciais da Bombardier Recreational Products Inc. ou de suas afiliadas. Todas as outras marcas comerciais são propriedade de seus respectivos proprietários. 


Brasileiros Reinaldo Varela (à esquerda) e Gustavo Gugelmin na segunda etapa do Campeonato Mundial de Rally Cross Country 2019, nos Emirados Írabes Unidos
Crédito: MCH Photography

Brasileiros Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin na segunda etapa do Campeonato Mundial de Rally Cross Country 2019, nos Emirados Írabes Unidos
Crédito: MCH Photography