Sea-Doo comemora 11 títulos mundiais de motos aquáticas no IJSBA World Finals 2018
Com o piloto Mohammed Burbayea, do Kuwait, modelo Sea-Doo RXP-X garante a taça da principal categoria pelo oitavo ano seguido
Publicada em 11/10/2018.

São Paulo (SP) – A Sea-Doo aumentou consideravelmente sua galeria de títulos mundiais para motos aquáticas na temporada 2018. Os pilotos da marca canadense comemoraram a conquista de 11 troféus no 37º IJSBA World Finals, realizado entre os dias 1º e 7 de outubro em Lake Havasu City, no Arizona, Estados Unidos.

O grande destaque foi a vitória pelo oitavo ano consecutivo com o modelo Sea-Doo RXP-X na categoria principal, a Pro Runabout GP. A moto aquática foi a mais rápida a cruzar a linha de chegada nas mãos do piloto Mohammed Burbayea, do Kuwait, agora bicampeão mundial da Pro Runabout GP.

O evento é promovido anualmente pela International Jet Sports Boating Association (IJSBA) e reuniu 362 competidores de 34 países. O modelo Sea-Doo RXP-X rendeu títulos em outras categorias. Waleed Alsharshani, do Catar, confirmou a sua primeira vitória na Pro Runabout Super Stock, enquanto o dinamarquês Marcus Jorgensen faturou as classes Pro Runabout Limited e Pro Runabout Slalom.

A Tailândia liderou as disputas das categorias direcionadas ao Sea-Doo Spark, modelo que apresenta a melhor relação entre custo e benefício do segmento. As classes são as que mais crescem e atraem novos competidores a cada ano.

Os vencedores foram Supak Settura (categoria Pro/Am Runabout 1100 Open), Permpon Teerapatpanich (Pro/Am Runabout 1100 Stock), Teerapat Meechai (Amador Runabout 1100 Super Stock) e Tossawanon Phuearphong (Amador Runabout 1100 Limited).

Yuki Francois, representante da Bélgica, foi campeã mundial pela categoria Womens Runabout 1100 Stock a bordo do Sea-Doo Spark. Na classe Novato Runabout Aspirado Stock, o paraguaio Eduardo Lopez conquistou a taça. Além dos títulos, os pilotos Sea-Doo asseguraram 47 lugares nos pódios das disputas do 37º IJSBA World Finals.

Campeões mundiais 2018 a bordo das motos aquáticas Sea-Doo:

Mohammed Burbayea - Kuwait (classe Pro Runabout GP)
Waleed Alsharshani - Catar (Pro Runabout Super Stock)
Marcus Jorgensen - Dinamarca (Pro Runabout Limited)
Marcus Jorgensen - Dinamarca (Pro Runabout Slalom)
Permpon Teerapatpanich - Tailândia (Pro/Am Runabout 1100 Stock)
Supak Settura - Tailândia (Pro/Am Runabout 1100 Open)
Yuki Francois - Bélgica (Womens Runabout 1100 Stock)
Teerapat Meechai - Tailândia (Amador Runabout 1100 Super Stock)
Tossawanon Phuearphong - Tailândia (Amador Runabout 1100 Limited)
Teerapat Meechai - Tailândia (Amador Runabout 1100 Stock)
Eduardo Lopez - Paraguai (Novato Runabout Aspirado Stock).

Sobre a BRP – A BRP (TSX: DOO) é líder global em design, desenvolvimento, fabricação, distribuição e comercialização de veículos de propulsão e sistemas de propulsão. O seu portfólio inclui motos de neve Ski-Doo e Lynx, embarcações Sea-Doo, veículos Can-Am off-road e Spyder, sistemas de propulsão marítima Evinrude e Rotax, bem como motores Rotax para karts, motocicletas e aeronaves recreativas. A BRP suporta sua linha de produtos com um negócio de peças, acessóios e roupas dedicados. Com vendas anuais de CA $ 4,2 bilhões em mais de 100 países, a BRP emprega aproximadamente 8 700 pessoas em todo o mundo.

www.brp.com
@BRPnews

Ski-Doo, Lynx, Sea-Doo, Evinrude, Rotax, Can-Am, Spyder e o logotipo da BRP são marcas comerciais da Bombardier Recreational Products Inc. ou de suas afiliadas. Todas as outras marcas comerciais são propriedade de seus respectivos proprietários.


Reinaldo Varela, piloto de Araçatuba (SP) campeão do Rally Dakar, e o filho, Bruno Varela (à direita), estão confirmados no Rally Poeira 2019 - evento válido pelo Brasileiro de Rally Baja
Crédito: Vinícius Branca/DFotos/Mundo Press

Maurício Pena Rocha está confirmado no Rally Poeira 2019, válido pelo Campeonato Brasileiro de Rally Baja
Crédito: Doni Castilho/DFotos/Mundo Press