Brasileiro de Enduro FIM define campeões em Farroupilha (RS)
Títulos de 11 categorias serão oficializados neste final de semana (14 e 15) com a presença da elite do esporte em disputas emocionantes
Publicada em 11/10/2017.

Farroupilha (RS) – O Brasileiro de Enduro FIM define os campeões da temporada 2017 em Farroupilha (RS), neste final de semana (14 e 15). Válida como rodada dupla, a sétima e última etapa do calendário reúne a elite do esporte com acesso gratuito ao público na pista MX Park Motocross. As disputas oficializam os títulos de 11 categorias, além de somarem pontos para a sexta etapa do Campeonato Gaúcho da modalidade.

Na Enduro GP, classe que envolve os pilotos mais rápidos do Brasileiro, o português Luis Oliveira quer repetir o título de 2014 e está próximo do objetivo. O piloto da equipe Honda Racing possui 256 pontos na liderança, contra 223 do capixaba Bruno Crivilin (Orange BH KTM) e 219 do mineiro Júlio César Ferreira (Honda Racing). A pontuação não considera os descartes permitidos por regulamento ao final das disputas.

“A minha expectativa, sem dúvidas, é conquistar o título brasileiro – um dos principais objetivos da temporada. Quero fazer uma boa corrida e fechar o campeonato em grande estilo”, disse Oliveira. O português também lidera a classe E1 com grande vantagem.

Crivilin prometeu empenho máximo até a linha de chegada. “Vou fazer o melhor que puder na prova. Estou tranquilo para a decisão, com bom ritmo e preparado fisicamente”, afirmou. O capixaba ainda é candidato ao título da E2, que tem o piloto Júlio César Ferreira como líder. 

Com alto nível técnico, a categoria EJúnior é a mais equilibrada do Brasileiro. Vinícius Calafati (Sacramento Racing KTM) e Gabriel Soares “Tomate” (Honda Racing) somam 235 pontos. Willian Dalmonech (Moto Litoral Honda), com 230 pontos, e Vinícius Luis da Silva Musa (Rinaldi ASW Zanol Team), com 224, também estão no páreo.

Os líderes Rômulo Bottrel (classe E3 / Orange BH KTM), Nielsen Bueno (E35 / Sacramento Racing KTM), Cassiano Tebaldi (E40 / Sacramento Racing KTM), Pélmio Simões (classe E45 / Orange BH KTM), Roberto Theodoro (E50 / Sócramento) e William Palandi (EAmador / Sacramento Racing KTM) estão com uma mão na taça das respectivas categorias.

Na E4, o título já está garantido para a equipe Moto Litoral Honda, dos pilotos Tiago Wernersbach e Jaime Zorzal (líder e vice-líder, respectivamente). “Este foi o ano de estreia da equipe no Brasileiro e tivemos saldo positivo. Estamos muito felizes com o título e o desempenho de todos os pilotos, que mostraram competitividade durante todo o ano”, afirmou Antônio Carlos Lima Filho, o Tatau, chefe da Moto Litoral Honda.

O Brasileiro de Enduro FIM 2017 é patrocinado por Rinaldi e conta com o apoio de MRPRO Braces, ASW, Sacramento Motorsports, Orange BH, Zanol Parts e Edgers.

Campeonato Brasileiro de Enduro FIM 2017 – Final em Farroupilha (RS)

Data: 14 e 15 de outubro
Local: MX Park Motocross / Portal dos Coqueiros (Rodovia VRS 313, Nova Sardenha, Farroupilha-RS)
Site oficial do campeonato: www.brasileirodeenduro.esp.br

Programação*:
13/10 (Sexta-feira)
Das 16h30 às 20h – Secretaria de prova no MX Park Motocross
19h – Briefing para pilotos e equipes no restaurante Família Brunetta

14/10 (Sábado)
Das 7h30 às 9h50 – Vistorias técnicas e condução das motos ao Parque Fechado do MX Park Motocross
10h – Largada dos dois primeiros pilotos
16h – Previsão de chegada dos primeiros pilotos
20h – Divulgação dos resultados oficiais do dia no restaurante Família Brunetta

15/10 (Domingo) – INÍCIO DO HORÁRIO DE VERÃO
9h – Largada dos dois primeiros pilotos
15h – Previsão de chegada dos primeiros pilotos
19h – Divulgação dos resultados oficiais do dia no restaurante Família Brunetta

* A programação está sujeita a alterações. 

Classificação do Brasileiro de Enduro FIM após seis etapas:
Enduro GP
1 – Luis Oliveira - 256
2 – Bruno Crivilin - 223
3 – Júlio César Ferreira - 219

E1
1 – Luis Oliveira - 275
2 – Loandro Anton - 232
3 – Patrik Capila - 199

E2
1 – Júlio Ferreira - 267
2 – Diego Colett - 240
3 – Bruno Crivilin - 238

E3
1 – Rômulo Bottrel - 283
2 – Gustavo Pellin - 227
3 – Rigor Rico - 204

EJúnior
1 – Vinícius Calafati - 235
2 – Gabriel Lucas Soares “Tomate” - 235
3 – Willian Dalmonech - 230

E4 Light
1 – Tiago Wernersbach - 263
2 – Jaime Zorzal - 229
3 – Bruno Martins - 100

E35
1 – Nielsen Bueno - 295
2 – Diogo de Andrade - 220
3 – André Barbosa - 145

E40
1 – Cassiano Tebaldi - 222
2 – Luciano de Lima - 200
3 – Beto Lamego - 140

E45
1 – Pélmio Simões - 280
2 – Marcos Benvenutti – 232
3 – Laurindo Zatorski Filho - 215

E50
1 – Roberto Theodoro - 166
2 – Gustavo Jacob - 108
3 – Cleber Sacramento - 100

EAmador
1 – William Palandi - 200
2 – Augusto Benvenutti - 180
3 – Uliam Bunetta - 80

EFeminina (título definido em três rodadas duplas)
1 – Bárbara Neves - 144
2 – Janaína Souza - 116
3 – Tainá Aguiar - 40

 

 

 


Campeão Luis Oliveira (à esquerda) e Patrik Capila no pódio da categoria E1 do Campeonato Brasileiro de Enduro FIM
Crédito: Café Fotos/Mundo Press

Campeão Bruno Crivilin (à esquerda) e Júlio César Ferreira no pódio da categoria E2 do Campeonato Brasileiro de Enduro FIM
Crédito: Café Fotos/Mundo Press