UTVs representam a categoria que mais cresce nas competições off-road
Família de veículos Can-Am Maverick aposta na chegada do novo X3 para ampliar hegemonia nos principais desafios do país na temporada 2017
Publicada em 30/1/2017.

São Paulo (SP) – Potentes, seguros e extremamente divertidos, os UTVs viraram febre e representam a categoria que mais cresce nas competições off-road do país. Os veículos produzidos pela Can-Am são referência no segmento. Atual tetracampeã do Rally dos Sertões, a família Can-Am Maverick conta com a chegada do novo X3 para ampliar a hegemonia nos principais desafios do país na temporada 2017. 

A primeira aparição dos UTVs em solo nacional foi no fim de 2011, quando a CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo) introduziu a classe de forma experimental no Rally dos Amigos. O grid foi de apenas sete participantes. No ano seguinte, passou a fazer parte dos campeonatos brasileiros de Rally Cross Country e de Rally Baja, além do Rally dos Sertões. A adesão às máquinas cresce a cada ano e em 2016 atingiu o grid de 55 veículos em uma prova do Brasileiro de Baja, recorde absoluto no Brasil.

“A divisão dos UTVs cresce a passos largos, assim como a evolução dos equipamentos”, comentou Adilson Kilca, diretor de rally da CBM. “Os UTVs conquistaram os pilotos de moto e de quadriciclo pela sensação do vento no rosto e do contato com o ambiente da prova. Além disso, a cabine traz mais segurança. Os pilotos de carro também se adaptaram facilmente e ainda encontraram uma forma mais econômica de competir”, comparou Kilca.

Mercado aquecido e o novo Can-Am Maverick X3 – Desde o início da comercialização, em 2011, estima-se que o mercado de UTVs no Brasil triplicou. “Os veículos ainda têm muito potencial de crescimento. Temos um país que favorece a prática de atividades ao ar livre pelas dimensões continentais e os diversos tipos de paisagens. O cenário é perfeito para os UTVs, mesmo a circulação no Brasil sendo restrita a competições e áreas particulares fechadas”, disse Fernando Alves, gerente da operação BRP na América do Sul, grupo canadense responsável pela Can-Am.

“A fábrica tem como princípio a busca constante pela inovação, o que é fundamental para ser referência de vitórias nas principais competições off-road.” A família Can-Am Maverick ampliou sua hegemonia incontestável com o tetracampeonato dos UTVs no Rally dos Sertões, o mais duro desafio do calendário nacional – conquistado em 2016 pela dupla Bruno Sperancini/Breno Rezende.

O último ano também foi marcado pelos três títulos no Brasileiro de Rally Baja (com os pilotos Gabriel Varela, na classificação geral dos UTVs e na classe UTV Turbo, e Deninho Casarini, na UTV Pró). No Brasileiro de Rally Cross Country, Enrico Amarante confirmou as taças da classificação geral dos UTVs e da UTV Pró, o que aumentou ainda mais a extensa lista de títulos da Can-Am desde que os UTVs foram introduzidos nas competições nacionais (confira abaixo).

“Depois dos primeiros modelos Turbo de fábrica, a Can-Am voltou a elevar a categoria dos UTVs ao próximo nível. O lançamento para 2017 é o Can-Am Maverick X3, que possui três versões e o que há de mais inovador em termos de controle, conforto e potência”, concluiu Alves. De acordo com rigorosos testes internos, a máquina de 154 HP chega de zero a 85km/h em apenas 4.9 segundos, impulsionada pelo motor de Eficiência Avançada de Combustão (ACE) Rotax com turbo e intercooler. Para conhecer todos os detalhes do novo Can-Am Maverick X3, clique aqui.  

Veja a galeria de títulos da família de UTVs Can-Am Maverick no Rally dos Sertões e nos campeonatos nacionais:

2016

Rally dos Sertões

Categoria UTV - Geral
Bruno Sperancini/Breno Rezende – Can-Am Maverick Xds

Classe UTV Super Production
Bruno Sperancini/Breno Rezende – Can-Am Maverick Xds

Classe UTV Pró
Gabriel Varela/Gabriel Morales – Can-Am Maverick Xds Turbo

Campeonato Brasileiro de Rally Baja

Categoria UTV – Geral
Gabriel Varela – Can-Am Maverick Xds Turbo

Categoria UTV Turbo
Gabriel Varela – Can-Am Maverick Xds Turbo

Categoria UTV Pró
Deninho Casarini – Can-Am Maverick Xds Turbo

Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country

Categoria UTV – Geral
Enrico Amarante – Can-Am Maverick Xds Turbo

Categoria UTV Pró
Enrico Amarante – Can-Am Maverick Xds Turbo

2015

Rally dos Sertões

Categoria UTV – Geral
Bruno Sperancini/Lourival Roldan – Can-Am Maverick Xds

Classe UTV Turbo
Vinícius Mota/Rafael Schimuk – Can-Am Maverick Xds Turbo

Campeonato Brasileiro de Rally Baja

Classe UTV Pró
Rodrigo Varela – Can-Am Maverick Xds Turbo

Classe UTV Turbo
Dimas de Melo Pimenta III – Can-Am Maverick Xds Turbo

Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country

Classe UTV Turbo
Vinícius Mota/Rafael Schimuk – Can-Am Maverick Xds Turbo

2014

Rally dos Sertões

Categoria UTV 
Vinícius Mota/Rafael Schimuk – Can-Am Maverick

Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country

Categoria UTV
Bruno Sperancini – Can-Am Maverick

2013

Rally dos Sertões

Categoria UTV
Carlo Collet/Marcos Lara – Can-Am Maverick

Sobre a BRP - A BRP (TSX: DOO) é líder mundial no design, desenvolvimento, fabricação, distribuição e comercialização de veículos e sistemas de propulsão. Seu portfólio inclui os veículos para neve Ski-Doo e Lynx, as embarcações Sea-Doo, os veículos todo-o-terreno e side-by-side Can-Am, os roadsters Can-Am Spyder, os sistemas de propulsão marítima Evinrude e Rotax, bem como os motores Rotax para karts, motocicletas e aeronaves recreativas. A BRP dá suporte a sua linha de produtos com peças, acessórios e vestuário. Com renda anual de mais de CA$ 3,8 bilhões em mais de 100 países, a empresa conta com aproximadamente 7.900 funcionários em todo o mundo.


www.brp.com
@BRPNews

Ski-Doo, Lynx, Sea-Doo, Evinrude, Rotax, Can-Am, Spyder, Defender, Maverick, X3 e o logotipo da BRP são marcas registradas da Bombardier Recreational Products Inc. ou de suas afiliadas. Todas as outras marcas comerciais são de propriedade de seus respectivos proprietários.


Brasileiros Reinaldo Varela (à esquerda) e Gustavo Gugelmin na segunda etapa do Campeonato Mundial de Rally Cross Country 2019, nos Emirados Írabes Unidos
Crédito: MCH Photography

Brasileiros Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin na segunda etapa do Campeonato Mundial de Rally Cross Country 2019, nos Emirados Írabes Unidos
Crédito: MCH Photography